Arrombamentos de casas aterrorizam moradores de Atlântida Sul que pedem socorro

Câmera flagrou criminosos caminhando tranquilamente após arrombarem casa e furtar itens.

Moradores e veranistas de Atlântida Sul e Mariápolis, balneários pertencentes a Osório, pedem socorro.

Praticamente diariamente casas são arrombadas sem que as autoridades policiais consigam solucionar o problema.

A situação é tão grave que câmeras de vigilância flagraram na última semana, três criminosos caminhando calmamente pelas ruas com diversos itens furtados de uma casa na Rua Icaraí (foto).

Nesta madrugada (02), outra casa foi “visitada” pelos bandidos, na Rua Garopaba. Também há relatos na Rua Angra dos Reis, Avenida Arpoador, Saquarema e Atlântida, nos últimos dias.

“Não temos policiamento. A Brigada Militar não tem pessoal. A situação é de abandono na segurança pública e os meliantes se aproveitam disto”, afirmou um internauta que pediu para não ser identificado.

Grupos de WhatsApp foram criados com o intuito das pessoas denunciarem como alertas quando alguma situação suspeita esteja ocorrendo, ou como forma de avisar principalmente os veranistas que suas casas foram arrombadas.

Nesta quarta-feira (04), às 18h30min, no salão paroquial da Capela Sagrada Família será realizada uma reunião para exigir mais segurança nos dois balneários.

O evento ocorrerá Rua Guarujá, 817, em Atlântida Sul.

Comentários

Comentários