Curso de Extensão da UFRGS Litoral e IFRS aborda “O golpe de 2016 e o futuro da democracia”

Refletir sobre os desdobramentos políticos e sociais  no Brasil ocorridos a partir de 2016 é o objetivo do curso de extensão oferecido em parceria entre o Instituto Federal do Rio Grande do Sul – Campus Osório e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – Campus Litoral.

O objetivo do encontro é lançar luz sobre as consequências do impeachment da presidenta Dilma Roussef  em 2016 – entendida por alguns intelectuais brasileiros e estrangeiros como um golpe de cunho jurídico, político e midiático. Contudo, interessa estudar os passos seguintes à destituição da chefe do executivo, como reformas impopulares, desestatização dos ativos públicos, desinvestimentos nas áreas sociais como saúde e educação e precarização do trabalho.

O curso ocorrerá em oito encontros de quarenta minutos, com palestras de dezesseis pesquisadores/as de diversas áreas do conhecimento, como sociologia, antropologia, geografia, educação, economia, psicologia social, desenvolvimento urbano e rural, entre outros. Espera-se, com isso, um entendimento de diversos pontos de vista sobre a questão, ajudando aos interessados formular um juízo crítico sobre os acontecimentos recentes do panorama político e social do país.

As inscrições são gratuitas e ocorrerão trinta minutos antes de cada palestra

O que: Curso de Extensão O Golpe de 2016 e o Futuro da Democracia

Onde: Sindicato dos Bancários de Osório, Instituto Federal do Rio Grande do Sul Campus Osório e Universidade Federal do Rio Grande do Sul Campus Litoral.

Quando: Entre 13/06 e 17/10/2018, das 19:00 – 20:30

Inscrições: Gratuitas no local, 30 min antes de cada palestra

Mais informações: www.ufrgs.br/cursogolpelitoral/

Comentários

Comentários