Foi desarticulada nesta quinta-feira (04), uma célula da facção Bala na Cara, no Litoral Norte Gaúcho.

O grupo vinha sendo investigado pelas Delegacias de Polícia de São José do Norte e DEFREC de Rio Grande há dois meses e estava sendo acompanhada pelas delegacias e Brigada Militar de Mostardas e Tavares desde a Páscoa, quando montaram um esconderijo em Tavares.

Nesta manhã, diante da informação de que estariam se mudando em direção ao litoral norte, a 8ª Companhia da Brigada Militar foi acionada e depois de monitoramento integrado entre os órgãos policiais foram presos sete homens e duas mulheres em flagrante com quatro espingardas, três revólveres, três coletes balísticos, drogas, balança de precisão, celulares e munição de diversos calibres, em Cidreira.

O grupo é suspeito de cometer pelo menos um homicídio e planejava a prática de vários outros contra uma facção rival, em São José do Norte.

A operação policial foi coordenada pelo Delegados Ronaldo Coelho da DEFREC de Rio Grande e André Lorbiecki Roese de Mostardas e Tavares e pelos comandantes Capitão Quadros e Tenente Robson. Os presos serão encaminhados ao sistema prisional onde aguardarão julgamento.

Comentários

Comentários