Envolvido em assassinato de Policial Civil é preso no Litoral Norte

Momento da prisão.

A Polícia Civil prendeu na madrugada deste sábado (19) um dos envolvidos na morte do policial civil, ocorrida em 02/05/2018 em Pareci Novo. O homem, de 35 anos, foi preso na RS 484 em Maquiné.

A prisão ocorreu em ação da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec) de Canoas, Delegacia de Polícia de Homicídios e Desaparecidos (DHD) de Canoas e Grupo Tático Especial (GTE) do Deic, com apoio das Delegacias de Polícia de Terra de Areia e Maquiné.

Segundo o delegado Thiago Bennemann, da Defrec de Canoas, com o indivíduo foi apreendida uma pistola 9mm e nas fugas anteriores o detido deixou cair carregadores compatíveis.

Inicialmente ele estava escondido em Terra de Areia, mas foi preso em Maquiné, na casa da namorada. O homem possui cinco mandados de prisão preventiva expedidos pelo Poder Judiciário de Sapiranga, sendo quatro por homicídios e um por roubo. Ele foi preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

“Com o preso, além da pistola 9mm, encontramos documentos de uma vítima de roubo à residência que aconteceu recentemente em Terra de Areia próximo de Maquiné, que foi o local em que ele foi encontrado. Temos que comemorar a retirada deste criminoso de circulação. Infelizmente ainda temos um outro foragido que também está envolvido na morte do policial. Mas a Polícia Civil não vai sossegar enquanto também não localizar o indivíduo. Qualquer informação sobre o caso pode ser passada via Denuncie Whatsapp (51) 984 187 814, Disque-denúncia 181 e 197.” – salienta o diretor do Departamento de Polícia Metropolitana, delegado Fábio Motta Lopes.

Comentários

Comentários