Furto no Planeta Atlântida, faz BM desmantelar quadrilha que agia em todo país

Quadrilha agia em grandes eventos.

Na noite desse sábado (2/2), durante patrulhamento tático motorizado no evento Planeta Atlântida, uma equipe das Patrulhas Especiais da Brigada Militar, atuando na Operação Golfinho, foi abordada por uma vítima informando que seu celular havia sido furtado e marcava a localização nas proximidades.

Prontamente, os policiais militares iniciaram as buscas, localizando um veículo com uma mulher no seu interior.

Ao lado do carro, foram encontrados dois celulares iPhone. Dentro, mais quatro celulares similares e, com a jovem, um celular Samsung já sendo resetado.

Mais Sexy

Foi dada voz de prisão à criminosa, que informou fazer parte de uma quadrilha especializada em furtos de telefones em grandes eventos pelo Brasil.

Após conseguirem mais informações sobre a localização dos outros integrantes do grupo, os policiais militares da Patres, juntamente com a Polícia Civil de Xangri-Lá e o efetivo da inteligência do 2 Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas, entraram em contato com o efetivo do 9°Batalhão de Polícia Militar, em Porto Alegre, que realizou o cerco policial.

Dr. Flávio Campos Garcia

Na avenida Júlio de Castilhos, foram presos mais dois integrantes da quadrilha. Com eles, localizados outros 52 celulares oriundos de furto.

Os presos e o material apreendido foram apresentados na 2° Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, em Porto Alegre.

Store Tecnologia
Luana Pacheco - Terapeuta holística 12_09

As vítimas que tiveram telefones furtados no evento podem procurar a Polícia Civil e verificar se o seu aparelho está dentre os que foram recuperados.

Os três presos, dois homens e uma mulher, oriundos de Belém do Pará, são todos integrantes de grupo especializado em furtos de celulares.

Uma outra mulher, já identificada, e que conseguiu fugir da abordagem em Porto Alegre, está sendo procurada.

Comentários

Comentários