Invente a cada dia – Nilton Moreira

Existe um dinamismo na vida. Claro que nem todas as pessoas conseguem distinguir o que acontece a sua volta, pois acreditam que basta acordar pela manhã e esperar que tudo aconteça, e dizem que seja o que Deus quiser, ou que o destino é que lhes possibilitará os acontecimentos, e tem aqueles que nem sabem o motivo pelo qual estão neste mundo.

Efetivamente nada acontece sem a permissão do Pai Maior, mas nós é que damos o impulso para que caminhemos na direção que quisermos, seja para o lado bom ou ruim, afinal temos o livre arbítrio e se não fosse assim não teria graça, pois bastaríamos deixar a vida nos levar como diz o poeta na canção, mas aí seríamos meras marionetes.

Se não fizermos planos e tecermos idealizações pelo menos para o período de um ano, acompanhando o calendário a que estamos afeto, certamente perderemos tempo, esse bem precioso para todo reencarnante, e acontecerá que a própria vida por uma Lei Divina do progresso, apresentará questões que nos forçará a decidir por um ou outro caminho. Ficar inerte ninguém consegue.

Então é importante que ao iniciarmos as atividades deste ano, tenhamos em mente o que desejamos alcançar. Não precisa ser objetivos mirabolantes, nem questões que envolvam situações complexas, pois acabaremos não concretizando, mas devemos em primeiro plano ver nossos defeitos e prometer repará-los para não incorremos mais. Também metas que queremos chegar, não muitas, pois se tornará inviável para nossa capacidade de entendimento.

Olhar para traz apenas para saber quais os erros que não devemos cometer mais, nunca com arrependimento ou frustação de não ter conseguido alcançar, afinal Deus nos permite sempre recomeço, e iniciando uma nova fase na vida, certamente nos revestiremos de uma energia diferente e contaremos com amparo dos Mensageiros amigos da espiritualidade, que torcem pelo nosso êxito.

Vemos o exemplo das floreiras que a cada momento estão produzindo novas flores. Nunca aquelas que caem voltam a florescer e sim outras surgem com exuberância. Sejamos assim também! Caímos, mas logo a seguir surjamos com força e imponência, e assim receberemos ajuda do Altíssimo a exemplo das flores que para sua sustentação tem a chuva ou o orvalho da noite.

Estejamos certo de que se nós não formos à luta e programarmos objetivos a vida nos sacudirá, e normalmente com intempéries de dor, tentando fazendo-nos ver o tempo que estamos perdendo. Invente a cada dia e seja mais feliz.

A vida é feita de realizações! Nossa história é o somatório de todos os dias vivido. Recebas muita energia caro leitor.

Comentários

Comentários