Menino de 4 anos corta os pulsos por influência da Momo em vídeos do Youtube

País: Os pais de um garoto de 4 anos, de Goioerê, no Paraná, fizeram um alerta após o filho cortar os pulsos e ter comportamento violento após ver vídeos no YouTube.

Primeiro o garoto tentou cortar os dois pulsos com uma faca, causando ferimentos.

Depois o menino agarrou o pescoço do pai com muita força, em uma tentativa de enforcá-lo.

Apesar do menino não contar, a família acredita que os atos do garoto foram incentivados por aparições da “Momo”, que viralizou em 2018 com um desafio violento e denunciaram o caso a imprensa local.

Momo

Momo gerou em 2018 uma onda de comportamentos violentos e suicidas nas crianças que ficavam expostas a estes conteúdos. Vídeos-oficina de slime e clipes da música Baby Shark servem de isca para as crianças.

A personagem infantil Peppa Pig, por exemplo, já foi usada como atrativo para vídeos com conteúdos inadequados.

Uma reportagem da revista Crescer do dia 15/03 também fala sobre um caso similar,  em um vídeo popular na internet, de uma criança brincando de slime que é interrompido, após poucos segundos do início da sua exibição, com imagens da Momo ensinando o passo a passo de como cortar os pulsos.

Os pais viram a cena e perguntaram para a menina de oito anos o que era aquilo. Ela disse que não sabia, que em outras três vezes já havia ocorrido e que inclusive ela estava ficando com medo de dormir sozinha.

Então, atenção pais, vamos cuidar o que está passando nos vídeos dos filhos.

Comentários

Comentários