Polícia desmonta esquema de lavagem de dinheiro de grupo ligado a traficante

Após investigação de cerca de um ano, a Polícia Civil deflagrou na manhã desta sexta-feira (24) a Operação Ruína, para combater o esquema de lavagem dinheiro de uma organização criminosa que atua em Porto Alegre. Quatro pessoas foram presas até o momento.

Noventa policiais cumprem 10 mandados de busca e apreensão e seis de prisão. Foram determinados o sequestro de R$ 6,3 milhões em bens e valores, conforme a polícia.

Segundo a Polícia, o grupo lavava dinheiro adquirindo imóveis em nomes de laranjas ou transferindo dinheiro em espécie para contas de pessoas físicas e jurídicas espalhadas pelo país.

A ação dos policiais também conseguiu localizar vários imóveis pertencentes ao criminoso, entre eles, está uma casa de veraneio no município de Xangri-Lá.

Comentários

Comentários