Prefeito buscará isenções de pedágio para patrulhenses junto à EGR

O prefeito de Santo Antônio da Patrulha, Daiçon Maciel da Silva recebeu trabalhadores e empresários da localidade de Campestre e Pinheirinhos. Eles conversaram sobre a isenção de pedágio para alguns patrulhenses que usam a 474 diariamente, no sentido Santo Antônio/ Rolante, e que moram em um raio de 2,5 km da praça de pedágio.

Acompanhados do vereador Jorge Eloy de Oliveira, eles disseram que o fato de ter que pagar o pedágio para levar filhos na escola ou ir à igreja tem dividido a comunidade. “Estou gastando R$ 60,00 de pedágio diariamente porque levo minhas netas na escola”, disse o presidente da Associação de Moradores de Campestre/Pinheirinhos – AMOCAP – José Reni Machado de Borba.

Eles lembraram que por alguns anos a isenção foi concedida. Conquistada na época do governo do ex-prefeito José Francisco Ferreira da Luz, quando a Univias tinha a concessão da estrada. “Mas, isso mudou quando a EGR assumiu o pedágio, e hoje só algumas pessoas têm a isenção”, declarou o vereador.
O chefe do escritório da Emater de SAP, Paulo Rojan também está aguardando a resposta do pedido de isenção, já que periodicamente se desloca pelas localidades prestando um serviço importante aos agricultores.

A servidora da secretaria Geral de Governo, Planejamento e Gestão, Rafaela Dapper, responsável por cadastrar os pedidos de isenção e encaminhá-los para a EGR, disse que atualmente 35 solicitações foram enviadas, mas que apenas 14 receberam o cartão de gratuidade. “Alguns pedidos foram indeferidos, por diversos motivos, mas também temos dificuldade em receber as respostas, existe muita demora”, conta Rafaela. Ela disse que no mês de junho de 2017 o secretário Ferulio José Tedesco e o vereador Jorge Eloy estiveram na EGR, entregando por escrito pedidos de informações não respondidos, entre outras necessidades que foram relatadas.

O prefeito Daiçon disse que irá marcar audiência com o presidente da EGR, Nelson Lídio Nunes, que foi seu colega de trabalho na Cientec para discutir esta questão. “Conheço o Nelson e acredito que ele terá um olhar sensível para este assunto”, comentou o prefeito.
O diretor da secretaria Geral de Governo, Planejamento e Gestão, Paulo neves também participou da reunião.

Comentários

Comentários