Preso mais um suspeito de tentativa de homicídio em Osório

Ações fazem parte da “Operação Exodus 20.13.

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Osório, realizou a prisão em flagrante de um homem com envolvimento em tentativa de homicídio qualificado, na tarde desta segunda-feira (29).

Ação se deu após investigações preliminares, em cumprimento a uma ordem judicial de busca e apreensão, no município.

Segundo o delegado João Henrique Gomes, as apurações preliminares deram conta do envolvimento do conduzido em crime contra a vida, com uso de arma de fogo, fato que gerou representação de medidas cautelares, deferidas pelo judiciário local.

Mais Sexy

“No cumprimento das medidas foi possível apreender uma arma de fogo (revólver, calibre .38) municiado, e com numeração de série suprimida, e uma soqueira”, afirmou Gomes.

Ainda segundo o delegado, estas ações fazem parte da “Operação Exodus 20.13”, que apuram e reprimem crimes contra vida, iniciada em dezembro de 2018, em Osório, que já somam dez prisões de envolvidos em crimes homicídios dolosos.

Feira dos Retalhos

Polícia Civil e Brigada Militar realizam prisão e apreensão de arma de fogo em Osório

Homem é preso após denúncia de violência doméstica.

Uma ação policial rápida e integrada entre a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Osório, e Brigada Militar, resultou na prisão em flagrante de um homem pelos crimes de lesão corporal, ameaça e posse de arma de fogo na tarde desta terça-feira (29).

Segundo o delegado João Henrique Gomes, a Brigada Militar foi acionada para atender situação envolvendo violência doméstica, tendo rapidamente atendido a demanda e se deparando no local com a vítima agredida fisicamente, situação em que o agressor foi preso em flagrante.

Marthay
Marisele Psicologa 20/06/2018

Após levantamentos preliminares, policiais civis realizaram buscas pela residência, quando apreenderam uma arma de fogo municiada, em situação irregular.

“Estas ações rápidas e integradas fazem parte do programa de combate ao crime no município. Novas ações serão realizadas e denúncias podem ser feitas pelo canal 51 99912 0456, por WhatsApp”, disse o delegado.

Comentários

Comentários