Programa Lazer e Cidadania – Rumo aos 10 anos em Osório

O Programa Lazer e Cidadania é desenvolvido com crianças de 9 à 12 anos durante os meses de janeiro e fevereiro de cada ano na sede do 8º Batalhão “General Esteves” da Brigada Militar de Osório.

É um programa que conta com o apoio da Vara do Juizado Regional da Infância e Juventude de Osório e da Prefeitura Municipal de Osório, tendo como madrinha a Exmª. Srª. Drª. Conceição Aparecida Canho Sampaio – Juíza de Direito.

O programa teve sua primeira edição realizada em janeiro e fevereiro de 2010, desde então o programa tem tido continuidade ano a ano, tendo até o presente ano formado 200 crianças cidadãs para o futuro.

No ano de 2019 o Programa Lazer e Cidadania estará completando 10 anos, e devido a este grande marco, o 2º Sargento da Reserva Remunerada Mauro Juares Pahim, instrutor voluntário, teve a iniciativa de realizar junto com alunos do Pelotão Lazer e Cidadania, atividades marcantes.

A primeira atividade realizada “Caminhada do Agasalho” aconteceu dia 16.07.2018, no bairro Cai do Céu, entre a caminhada e recebimento de doações foram arrecadas 536 peças de roupas e 28 pares de calçados.

No dia 21.07.2018 foi realizada a segunda atividade, “Varal Solidário”, na Praça da Rua Tolentino Gonçalves Corrêa, onde a comunidade local compareceu em grande número, podendo escolher e levar suas roupas e calçados. Tudo transcorrido de forma respeitosa e admirada pelas pessoas presentes pela grande iniciativa da equipe presente.

Na tarde do dia 25.07.2018, foi realizada a terceira atividade, um “Chá Bingo da Melhor Idade” aos grupos de atividades do Posto Saúde ESF Caravágio, aos quais foi servido um delicioso chá e um variado bufê patrocinado pelas crianças do Pelotão e colaboradores.

Participaram juntamente com 2º Sgt RR Mauro das atividades alusivas aos 10 Anos do Programa Lazer e Cidadania que ocorrerá em 2019, os alunos (as) Taís Fernanda, Isabel Ferrari, Isadora Dadda, Camila Terra, Enzo Capra, Matheus Harlan, Layla Ferreira, Zilmar Ferreira,Tamara Nunes e Letícia Goulart.

Todas as atividades tiveram o intuito de fazer com que as crianças se conscientizem de que fazer algo pelo próximo é possível, basta unir-se e ter iniciativa. E que para realizar atividades de cidadania elas podem convidar amigos, colegas de sala de aula, pais e fazerem uma arrecadação de agasalho, varal solidário, um chá beneficente, e outros.

José Roon

Comentários

Comentários