Foto: Warley de Andrade/TV Brasil
© Warley de Andrade/TV Brasil

Uma vez classificada na bandeira final preta ou vermelha, por dois períodos consecutivos ou alternados, dentro do prazo de vinte e um dias, a região somente poderá ser reclassificada para bandeira menos restritiva após preencher os requisitos para tal reclassificação por pelo menos dois períodos consecutivos.

Isto quer dizer que se a bandeira vermelha for mantida no Litoral, em divulgação a ser realizada na tarde de hoje (26), pelo governador, as restrições mais severas a economia e circulação das pessoas, seguirá no mínimo até o dia 12 de julho.

E isto é uma tendência.

Pelos números divulgados ontem, o Litoral está mais próximo de entrar na bandeira preta, do que sair da vermelha.

Comentários

Comentários