Conteúdo marcado como Jayme José de Oliveira

Buraco negro – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 11/11/2017 as 11:46 por Jayme José de Oliveira

Buraco negro - Jayme José de Oliveira
No apêndice do livro “Vozes de Tchernóbil” de Svetlana Aleksióvitch, Prêmio Nobel de Literatura 2015, a autora reproduz um tabuleta afixada à porta dum cemitério: “ALTA RADIAÇÃO, PROIBIDO ENTRAR A PÉ OU DE CARRO”. Nele jazem os corpos dos que lacraram a usina de Tchermóbil, incendiada em 26/04/1986,ocasião em que lançou imensa quantidade de partículas radioativas sobre a URSS e boa parte da Europa. O livro é um libelo contra […]

Deus – Einstein e Spinoza – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 04/11/2017 as 17:01 por Jayme José de Oliveira

Deus - Einstein e Spinoza  - Jayme José de Oliveira
Pergunta recorrente de estudantes nas conferências que Einstein pronunciava em universidades nos Estados Unidos: - O senhor crê em Deus? Respondia: - “Creio em Deus de Spinoza”. (Benedict Spinoza, 1632-1677, filósofo holandês, com René Descartes e Gottfried Leibniz eram racionalistas dentro da chamada Filosofia Moderna) “Quero que desfrutes da vida, quegozes, que cantes, que te divirtas, que desfrutes de tudo que fiz para ti”. Minha casa não são os templos […]

O mito de Gyges 2 – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 28/10/2017 as 15:01 por Jayme José de Oliveira

O mito de Gyges 2 - Jayme José de Oliveira
Platão, ao relatar o Mito de Gyges afirma que o homem almeja sempre mais glória, conforto, vantagens, prazeres. Apenas a lei e o temor das consequências o impede de agir desonestamente. (Livro II da República) Sócrates, seu mestre, afirmou que os homens se distinguem uns dos outros pela integridade ou falta dela. Participo desta convicção. Como as moedas, o íntimo do homem tem duas faces e a altruísta é responsável […]

“O suprassumo da injustiça é parecer justo sem o ser” – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 23/10/2017 as 15:01 por Jayme José de Oliveira

"O suprassumo da injustiça é parecer justo sem o ser" - Jayme José de Oliveira
Desde o início os futuros advogados sabem que o Direito não é uma ciência exata. A votação por 6x5 sobre a legalidade do STF cassar mandato, exceto diante de crime inafiançável ou em flagrante delito escancarou a cisão que lavra na mais alta corte do país. A presidente Carmen Lúcia, no voto de Minerva (desempate) se mostrou tão dúbia e confusa que os colegas travaram aceso debate para interpretá-la. Acompanhou […]

O mito de Gyses – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 14/10/2017 as 11:35 por Jayme José de Oliveira

O mito de Gyses - Jayme José de Oliveira
Se acreditarmos em Platão (filósofo ateniense, 427-347 a.C.), discípulo de Sócrates, que foi um dos fundadores da filosofia ocidental (463-399 a.C.), concordaremos que o mundo, além de confuso e ilusório, é violento e ganancioso por natureza. Através do mito e Gyges, Platão afirma que o homem almeja sempre mais poder, glória, conforto, vantagens, prazeres. Apenas a lei e o temor das consequências o impede de agir desonestamente (Livro II da […]

Samba do crioulo doido – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 07/10/2017 as 15:18 por Jayme José de Oliveira

Samba do crioulo doido - Jayme José de Oliveira
“Por mais brilhante que sejas, se não fores transparente, tua sombra será escura”. Na coluna anterior usei como metáfora “É mais fácil encontrar uma girafa branca que um político ilibado”. E eles não se cansam de comprovar, tanto que o juiz Sérgio Moro desabafou: “O que traz instabilidade não é a corrupção é o não enfrentamento à corrupção. O problema não está na cura, mas sim na doença”. Em 26/09/2017 […]

E dissemos que estava bem – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 30/09/2017 as 15:46 por Jayme José de Oliveira

E dissemos que estava bem - Jayme José de Oliveira
Ao nos apercebermos que a sociedade descambou para um estilo de vida que não nos parece o mais adequado e, seguramente preocupante, deveríamos atentar ao fato que, paulatinamente, deixamos que tudo acontecesse. Pequenas concessões aqui, um fechar de olhos ali, pensar que os outros deveriam tomar as atitudes que não nos dispusemos a encarar e... ao nos darmos conta... a situação se apresenta irreversível. E não consideremos uma exclusividade brasileira, […]

Psicopatas 3 – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 22/09/2017 as 15:57 por Jayme José de Oliveira

Psicopatas 3 - Jayme José de Oliveira
Quando um colunista publica um texto que possa provocar controvérsias, expõe-se à possibilidade de receber ora contestações, ora apoios, faz parte do contexto. As manifestações devem ser analisadas e, certamente, oferecem subsídios preciosos para avaliar a repercussão do escrito. A coluna “Psicopatas” estimulou o envio por parte de uma leitora opiniões de renomados especialistas, fato que agradeço e me permito utilizar na coluna que segue. Detenho-me em particular em Júlia […]

Estatura Moral – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 15/09/2017 as 14:36 por Jayme José de Oliveira

Estatura Moral - Jayme José de Oliveira
O depoimento do ex-ministro (PT)Antônio Palocci provoca pesadelos nas hostes do partido. Isso para dizer pouco... A avaliação no partido é de que não teve a “estatura moral” do também ex-ministro José Dirceu e dos ex-tesoureirosDelúbio Soares e João Vaccari Neto, que não entregaram os colegas. Há, inclusive, uma troca de mensagens nas redes sociais entre militantes e dirigentes discutindo o momento mais oportuno para uma expulsão (José Américo, deputado […]

Acidente de Tchernóbil – Jayme José de Oliveira - Ponto e contraponto

Publicado em 08/09/2017 as 11:08 por Jayme José de Oliveira

Acidente de Tchernóbil – Jayme José de Oliveira
No ano de 1986, os operadores da usina nuclear de Tchernóbil, na Ucrânia, realizaram um experimento com o reator 4. A intenção inicial era observar o comportamento do reator nuclear quando utilizado com baixos níveis de energia. Contudo, para que o teste fosse possível, os responsáveis pela unidade teriam que quebrar o cumprimento de uma série de regras de segurança indispensáveis. Foi nesse momento que uma enorme tragédia nuclear se […]