Um país sem governo – Suely Braga

Suely Braga

Nosso país está vivendo numa Ditadura Disfarçada. Governado desde o golpe de 2016 por um governo ilegítimo, golpista, enlameado na corrupção. O golpe Parlamentar-Jurídico- Midiático está desmontando o Brasil. Vendendo suas riquezas, seus bens naturais, acabando com a saúde, a educação, a cultura e a arte. Fazendo Reformas que tiram os direitos dos trabalhadores, rasgando a Constituição Cidadã de 1888, transformando –a numa colcha de retalhos. Aprovando as Reformas Trabalhistas, a Reforma da Previdência, destituindo a CLT, a Lei que protegia os trabalhadores e lhe assegurava todos os direitos.

O presidente ilegítimo comprou por bilhões os votos do Congresso Corrupto para a aprovação com o dinheiro público, o dinheiro que retirou dos benefícios sociais da população.

Na Edição Brasileira o jornal El País publicou um artigo cujo título: “O PODER ILEGÍTIMO LEVA A PODER ALGUM”. O jornalista escreve:

“No Brasil a economia está em crise, a política gira em torno dos tribunais e o povo perdeu a esperança de que tudo fique melhor, quando todos os culpados estiverem na cadeia.  “A nova e definitiva era é de substituição de pessoas pelas instituições. Salvação sim sem salvadores”. Um futuro com a classe política atrás das grades, que deixa a dúvida sobre quem liderará o país.

A restauração da moralidade pública, porque a privada segue ganhando imoralmente com a pobreza geral. De fato nos levou a esta estranha “democracia togada”, onde uma camada de “meritocratas” substitui o povo na decisão de quem deve governar e até quem pode pretender governar pela via do voto.

Moralidade de uma casta que alegremente se autoconcede vantagens absolutamente imorais e vive ao contrário do povo brasileiro numa fartura sem igual.” A disputa política em nosso país passou a ser travada quase que apenas pela mídia, nos tribunais e nos mais imundos subterrâneos do parlamento.

O Brasil entrou num processo de dissolução que aboliu todas a nossas identidades, toda a nossa autoestima, e passou a viver um clima fascista de ódio ao inimigo.

É possível que suas Excelências ocupem todo o poder e esvoacem suas togas como os militares desfilaram seus tanque em 64. A Casa Grande está expulsando o povo para a Senzala como na época da Escravidão.

O Brasil o maior e mais rico país da América Latina, líder do MERCOSUL encontra-se escrachado pela Imprensa Internacional e seu presidente ilegítimo descartado pela maioria dos países importantes do mundo.

Virou numa republiqueta de bananas.

Até quando vamos viver nesta situação?

Comentários

Comentários