Vamos falar sobre depressão? – Psicóloga Marisele Souza

Foto: Psicóloga Marisele Souza

Você provavelmente já ouviu algo sobre depressão. Conhece alguém que tem ou você possui depressão. Faz tratamento ou não. Acredita que é besteira, que a tristeza vai passar.

É só um momento ruim! Até que comece ter prejuízos nos relacionamentos, na vida profissional, pensar que a vida não tem mais sentido! E infelizmente o índice de suicídio cresce cada vez mais no mundo e pessoas com depressão o risco é muito maior.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a depressão está em segundo lugar no ranking de doenças incapacitantes no mundo, sendo em primeiro lugar doenças cardiovasculares e entre os transtornos mentais é um dos que tem maior incidência. Cerca de 3 a 5% da população será afetada pela depressão em algum momento de sua vida segundo estudos, tendo prevalência acima de 10%, sendo uma das principais causas de suicídio nos últimos tempos.

Pessoas com depressão podem apresentar alterações comportamentais, afetivas, cognitivas, físicas e motivacionais. Como diminuição de atividades, humor deprimido, afastamento de atividades positivas, dificuldades para lidar com situações práticas do dia a dia, tristeza, culpa, vergonha, irritabilidade, ansiedade, indecisão, diminuição da concentração, apatia, perda de autoconfiança, alterações do sono e apetite, isolamento social, diminuição do prazer, ideação e tentativas de suicídio.

A depressão atinge crianças, adolescentes, adultos e idosos e apresenta-se com diferentes sintomas entre essas fases da vida do indivíduo.

Diante destas informações fica mais claro compreender o quanto a saúde mental precisa ser valorizada e cuidada.  Cuidar de nossas emoções, assim, como cuidamos de outros problemas de saúde, frequentamos especialistas quando estamos com alguma dor ou percebemos uma alteração em nosso organismo.

Saúde mental é muito importante para que possamos ter qualidade de vida, regulando emoções, construindo relações pessoais e interpessoais adequadas.

A depressão pode causar muitos sintomas, mas cada indivíduo poderá apresenta-la de maneira diferente, por isso a importância de procurar um psicólogo, para que evitemos rótulos, preconceitos e a banalização.

Precisa de ajuda ou conhece alguém que precisa? Tem vezes, que as pessoas pedem ajuda indiretamente, observar e manter diálogos pode contribuir para que as pessoas se sintam à vontade de contar sobre seu sofrimento e sentir-se apoiadas para buscar ajuda profissional.

Psicóloga Marisele Souza

Atendimento:

Personal Med – Avenida Getúlio Vargas, 1010, centro, Osório/RS.

Telefone: 51 3148-0101.

Comentários

Comentários